artistas

Gsé Silva

fotografia

por Redação Atualizado em 18 fev 2022, 12h37 - Publicado em
15 fev 2022
16h15

GSÉ SILVA (LÊ-SE GESSÉ) é filho de pais baianos, nasceu e vive na zona sul de São Paulo. Autodidata, é fotógrafo, artista visual, documentarista e poeta. Tem interesse pelo ordinário presente no cotidiano das ruas, as pessoas comuns, as condições que nos afetam como seres humanos: questões sociais, raciais, existenciais, memória… É nesse espaço de possibilidades que se move e usa fotografia, vídeo/filme, texto/poesia e objetos para o fazer. Em 2013, produziu e montou sua primeira exposição e, por isso, ela é tão relevante, por ser a primeira e por ter sido feita na rua do bairro onde sempre morou e participou de ações culturais, na periferia da zona sul de São Paulo. Em 2017, deu aula de audiovisual na Fábrica de Cultura do Capão Redondo e produziu dois documentários junto com seus alunos, um em cada semestre, com turmas diferentes.

Em 2018, foi um dos artistas selecionados para a exposição coletiva do Programa de Exposições do Centro Cultural São Paulo. Entre 2020 e início de 2022, também foi selecionado para mostras e exposições virtuais. Acredita que o silêncio pode falar mais que palavras e que palavras têm o poder de armas. Atento ao que acontece e em entender a vida, busca também encontrar o seu lugar no mundo.

-
Gsé Silva/Arquivo
-
Gsé Silva/Arquivo
-
Gsé Silva/Arquivo
-
Gsé Silva/Arquivo
-
Gsé Silva/Arquivo
Continua após a publicidade

-
Gsé Silva/Arquivo
-
Gsé Silva/Arquivo
-
Gsé Silva/Arquivo
-
Gsé Silva/Arquivo
-
Gsé Silva/Arquivo
-
Gsé Silva/Arquivo
-
Gsé Silva/Arquivo
Continua após a publicidade

Artistas
–––––

Adoramos todos os artistas que colaboram com a Elástica. Essa página é uma forma de divulgar mais sobre o trabalho de GSÉ SILVA. Aqui, contribuiu com as reportagens:

Olhar para o outro é urgente

Confira mais de seu trabalho aqui e no Instagram.

Tags Relacionadas
mais de
artistas

Beatriz Shiro

Por
ilustração
cock

Cauê Xopô

Por
ilustração
cartpum

Por
cartoon
soufarofa-1-1b

João Castellano

Por
Fotografia

Não é ? Sair.

Ter independência no discurso, manter uma rede diversa de colaboradores, remunerar bem a todos e fomentar projetos sociais são bases fundamentais para a Elástica.
Vivemos de patrocínios de empresas que acreditam em nosso discurso e nossas causas, além da colaboração dos nossos leitores através de assinatura digital. Na página de Contas Abertas você pode ver os valores que hoje a Elástica arrecada, e conferir os custos que incorremos para produzir o conteúdo que oferecemos.